sexta-feira, 27 de junho de 2008

O Retorno de Saturno

Clique no player abaixo!



Nós vivemos a verdade
Que reluz no coração,
Somos força e coragem
Enfrentando a escuridão.
E onde o amor for infinito
Que eu encontre o meu lugar.
E que o silêncio da saudade,
Não me impeça de cantar.

Talvez você me encontre por aí,
E quem sabe a gente possa descobrir no amor
Sonhos iguais, noites de luz
Que os dias de paz estão em nós.

Que o desprezo que nos cerca
Fortaleça essa canção,
E que o nosso egoísmo
Se transforme em união.
E onde o amor for infinito,
Que eu encontre o meu lugar.
E que o estorvo da maldade,
Não me impeça de voar.

Talvez você me encontre por aí
E quem sabe a gente possa descobrir no amor
Sonhos iguais, noites de luz
Que os dias de paz estão em nós.

A bondade é fortaleza,
O amor tudo é capaz,
E que a cegueira da certeza
Não sufoque os ideais do amor...


"Oração do Horizonte"
Tico Santa Cruz


A bela letra acima, faz parte de um CD que ultimamente não tem saído do meu mp3 player...
É o novo álbum dos Detonautas, “O Retorno de Saturno”.

Não é de hoje que essa banda carioca me chamou atenção...
Suas versões acústicas para as músicas “Olhos certos” e mais recentemente “Você me faz tão bem” agradaram-me os ouvidos.
E nos últimos dias após assistir a apresentação do grupo em um programa de TV, onde eles divulgavam o novo álbum, fez-me despertar um interesse maior por eles.

O líder Tico dizia que o CD era mais calmo e introspectivo...

Opa! Darei uma olhada então... E o resultado? Gostei, gostei mesmo!

O Retorno de Saturno não é só uma música e nem só o nome de um disco. É o momento pelo qual estou passando na minha vida. Abrange dos 28 aos 30 anos. O retorno de saturno é um período conturbado, de mudanças, fechamentos e aberturas de ciclos. Dessa forma estamos encarando os novos desafios.”
Palavras do líder da banda Tico Santa Cruz.

Maior identificação impossível. Diante de tantas frustrações, eu afirmo “estou no meu Retorno de Saturno”!

Melodioso, emotivo e recheado de canções confessionais como a faixa-título “O retorno de saturno” e ainda “Só pelo bem-querer”, o álbum traz músicas com um tema em comum, o amor. Desde o amor saudoso pelo seu amigo Rodrigo Netto (guitarrista e um dos principais compositores do Detonautas assassinado em 2006), como na canção “Verdades do Mundo”, e na linda “Lógica” (inspirada nos sonhos que tinha com o amigo) até um “mantra” que evoca a paz em “Oração do Horizonte”.

Politizado e apreciador de literatura (ele até faz menção a José Saramago em “Ensaio sobre a cegueira”), Tico, que assina todas as autorias das músicas, se mostra maduro e preocupado com os rumos da humanidade resultando num álbum que difere pela autenticidade e qualidade do cenário "pop-rock" nacional.

Apesar das duras criticas, eu fico com “O Retorno de Saturno”.

“Retorno de Saturno não é um disco muito agitado. É um álbum para se ouvir tranqüilamente, prestar atenção às letras e, se for possível, se identificar com os temas.”
Parece que conseguiu Tico. Eu recomendo!!!

---------------------------

E não poderia ser diferente! Hoje em minha coluna, estou com a poesia "Cegueira" inspirada em uma das canções do grupo. Acesse!!!

www.medioparaiba.com.br/inspiracoes

Um comentário:

Carolzita! disse...

Adorei a letra. Não conhecia!

Beijos