terça-feira, 15 de maio de 2007


Eu



eu
quando olho nos olhos
sei quando uma pessoa
está por dentro
ou está por fora


quem está por fora
não segura
um olhar que demora


de dentro de meu centro
este poema me olha



Paulo Leminski



2 comentários:

Cin disse...

Mais um poema escolhido com extremo bom gosto.
AH! e a trilha sonora daqui é sempre deliciosa.
Lindi dia pra vc!!!!

Dri disse...

Amore....

Dizem que os olhos são espelhos d'alma...sem dúvida.
Mas p o outro olhar a alma tb tem q ter o olhar do coração, do sentimento. E naum da supercialidade.
O encontro de dois olhares só é completo qdo os dois conseguem enxergar a alma do outro.

Perfeita escolha da música.

Amo vc muitooooooooooooooooooooo!

Ps...Juro q me esforcei...rssss