sábado, 19 de maio de 2007

Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado

algumas vezes mas não esqueço

de que a minha vida é a maior empresa do mundo,

e posso evitar que ela vá à falência.

......................................

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver

apesar de todos os desafios,

incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas

e se tornar um autor da própria história.

É atravessar desertos fora de si,

mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.


É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.

É saber falar de si mesmo.

É ter coragem para ouvir um "não".

É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.


Pedras no caminho?

Guardo todas, um dia vou construir um castelo…


Fernando Pessoa



9 comentários:

Erika disse...

Há que se construir também escadas.

Beijos

PS: Sua pergunta está respondia no Oncotô :o)

Isabel disse...

Fico feliz ao ver que alguém, tão novo, do outro lado do Atlântico, cita Fernando Pessoa.
A felicidade consegue-se subindo degrau a degrau, tropeçando aqui e ali mas, insistindo sempre.
Sê feliz.

Bjt

Música e imagem disse...

Adorei seu blog, voltarei mais vezes para ler e viajar nas palavras ditas aqui.
Grande abraço.
Glaucia

Menina do Rio disse...

O texto é lindo mas fiquei "babando" pelas jabuticabas...

beijinhos e bom domingo!

*Clara* disse...

Conheço esse texto tão lindo...

Mas sabe qual o X da questão?!

É ler textos como este e conseguir aplicar ao menos uma coisa em meu dia-a-dia... até que tento....mas... rs

E você? Consegue?!

beijinhos...

P.S: já tem post novo lá no meu cantinho...

Sayô disse...

musica.
poesia.
sensibilidade.
PURA VIDA seu blog!
Na simplicidade das coisas,eh lah que ta a maior felicidade!
Saio daqui com o coração vibrante com essa melodia, esse chorinho, esse dedilhar no violão.
Amo MPB.
Beijos em vc

Cin disse...

"Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo…"

Iso é mais que poesia isso deveria ser lema de vida.
Beijos e Boa semana!!!

€aµ disse...

Oi Marcos...
Te falar um segredo... já me sinto 'íntima' aqui de tanto que a Dri me fala de vc e do blog.. risos
Não vim antes por causa do braço e da correria, mas vou ficar assídua.
Adorei essa fonte... inesgotavelmente cheia de sentimentos e agradeço a visita no Mar...
Beijo

Jac C. disse...

Olá Marco... Fernando Pessoa sempre inquestionável.
O último parágrafo do texto abaixo... um desfeicho (???) perfeito.
Poxa... legal saber dos seus nuncas.
Meu espanto a respeito de seres de Volta Redonda é simples. Sou nascida aí, embora criada em Barra Mansa até os 26 anos qdo me casei. Desde então já morei em 3 cidades do interior paulista. Mas, por uma virada da vida, agora parece que estarei voltando às origens ao final de 2007, meu marido está trabalhando em VR.
È isso... quem sabe não nos esbarremos por aí?
Carinhoso abraço...